terça-feira, 23 de junho de 2009

Novos horizontes


Tem momentos em nossa vida que cansamos de nosso mundinho que confortavelmente ajeitamos para nosso abrigo e conforto. Todos os dias quase tudo sempre igual, dias clareando pela manhã e escurecendo pela tardinha. A rotina desvanecendo a vida, empoeirando nosso ser e ofuscando seu brilho. Nestes tempos, do fundo mais profundo de nós mesmos brota um ventinho de mudança e se o deixamos livre, da brisa um vendaval e com mais um nada um tornado que tudo tira tudo do lugar. Daí não tem mais jeito, é hora de experimentar os desafios de um mundo novo, cheio de possibilidades que a vida nos oferece. Podemos rolar estes dados tantas vezes que quisermos.
Vamos abrir as paredes que nos cercam e dar uma espiadela...








Horizonte em Fartura,SP.

3 comentários:

Mariângela disse...

este post tem duplo sentido,já entendi tudo ,beijo!!

falando sério disse...

eu nao sei se é duplo,ou triplo ou sei lá quantos sentidos tem esse texto..só sei que gostei da caneca...eu quero ver ela pronta,vai levar domingo?..
abraço,javier

Marcos disse...

Rui
Acho que entendo bem este seu sentimento. Recentemente passei por um processo de grandes mudanças e o saldo, mais uma vez, foi mais do que positivo.
A tradução desta sua necessidade, estampana nas peças de cerâmica, está realmente um primor => vamos ver o resultado final!
Abraços